Como treinar seu cérebro para lidar com a ansiedade?

Alguns dados de pesquisa apontam que cerca de mais de 13 milhões de pessoas no Brasil sofrem com a ansiedade, ou seja, ela é mais comum do que se imagina e com o número crescente de pessoas acometidas por esse distúrbio precisamos ter um olhar atencioso e criar estratégias de enfrentamento da ansiedade, já que ela atrapalha os relacionamentos, o desempenho profissional e o bem-estar emocional e físico do indivíduo.

Como diferenciar um transtorno de ansiedade, da ansiedade natural?

Transtornos de ansiedade são mais facilmente identificados por sensações frequentes de medo, de inquietação e de “sentir-se no limite”.

Por exemplo, quando temos uma emergência no trabalho, e precisamos correr contra o tempo, é normal sentirmo-nos ansiosos. Mas algumas pessoas se preocupam com cada situação de suas vidas e não conseguem se livrar disso.

Apesar dos transtornos de ansiedade serem um problema sério, que demandam em grande parte o acompanhamento com especialistas, é possível desenvolver habilidades para lidar com o transtorno.

Listo aqui 3 grandes ajudas para treinar seu cérebro no combate da ansiedade.

1. Monitore os seus pensamentos

Quem sofre com a ansiedade frequentemente se vê tendo pensamentos negativos que invadem a mente sem aviso. É comum acreditarem que algo ruim está prestes a acontecer, mesmo que não haja nenhuma evidência que indique isso.

Uma forma de contornar tal situação habitual aos ansiosos, é não lutar contra os pensamentos negativos, ao contrário disso, procure escolher um momento do dia, por exemplo às 15 h (você pode até colocar despertador para te avisar), como o “momento da preocupação” e se permitir um período limitado de tempo, cerca de 15 a 20 minutos, para ruminar as situações problema que o afetam.

Se não alimentamos nossos pensamentos com energia, ou seja, não damos vasão a eles, vão murchar e diminuir sua intensidade, e ter menos força do que quando surgiram em sua mente pela primeira vez.

2. Faça atividades físicas e pratique mindfulness

Essa segunda dica, é muito valiosa, já que saúde mental e física caminham juntas. A prática regular de exercícios físicos é um aliado essencial para o bem-estar psíquico.

Um outro aliado é a prática de mindfulness ou atenção plena, traduzindo para o português. Talvez você esteja torcendo o nariz, porque já leu algo sobre e confundiu com meditação, e meditar é coisa para monge e pessoas zen. Vou logo adiantando que não se trata disso, embora mindfulness tenha como base a meditação já que ela também é uma prática focada na respiração. Entenda mindfulness a grosso modo, como atenção no momento presente, focar em sua respiração, como uma âncora, pois quando nos propomos a ficar em silêncio, é aí que aparecem o turbilhão de pensamentos, dessa forma, sempre que eles vierem à sua mente, você simplesmente os aceita gentilmente e deixa eles irem embora, voltando a prestar a atenção em sua respiração. Esse é um exercício bastante eficaz e tenho visto resultados impressionantes em meus pacientes ansiosos.

Ah! E você pode fazer há qualquer momento esse exercício, sempre que notar sua ansiedade querendo dar as caras, vale até se trancar no banheiro e focar na respiração. A prática de mindfulness é também muito eficaz para depressão e outros problemas de saúde que em outra oportunidade pretendo escrever.

3. Busque terapia

Porque nem sempre é possível lidar sozinho com a ansiedade, e a psicoterapia é uma grande aliada para melhorar a saúde mental.

Em muitos casos, quando for possível optar, a terapia é preferencial ao consumo de medicamentos, pois para algumas pessoas os medicamentos funcionam apenas a curto prazo e os problemas retornam depois de um tempo.

Para lidar com a ansiedade as melhores formas são: trabalhar para desenvolver habilidades de enfrentamento à ansiedade e buscar terapia.

Esse artigo ajudou-o em algo? Poderá ajudar alguém que conheça e que sofre com algum transtorno ansioso? Você pode compartilhá-lo! Vamos fazer a corrente da promoção de saúde mental crescer e atingir muitas pessoas!

Comente, curte e compartilhe! Assine o blog para receber novos artigos.

Simoni Cavazzana
Psicóloga CRP 08/25691

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s